Pesquisa do Blog

31 de out de 2010

HALLOWEEN !..

Gifs - Flash - Fotos e Videos Para seu Orkut

A todas as bruxinhas que existem dentro de cada uma de nós.

30 de out de 2010

Nhoque de Forno

Prático e gostoso como deve ser.

Ingredientes:
2 kg de batatas cozidas e espremidas
2 ovos inteiros
2 colheres de sopa de margarina
10 colheres de sopa de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
Sal a gosto

300 g de queijo mussarela
300 g de presunto sem capa de gordura
1 xícara de queijo parmesão ralado em ralo grosso

Modo de Preparo:
Em uma vasilha misture bem os 6 primeiros ingredientes e reserve.
Unte um refratário grande e nele coloque uma camada da massa reservada, em seguida uma camada de presunto e outra de queijo mussarela. Cubra com o restante da massa, coloque o queijo parmesão e leve ao forno pré-aquecido para gratinar. Sirva acompanhado ou não de um molho de sua preferência (molho branco, molho vermelho, molho à bolonhesa...).
 

29 de out de 2010

Estamos completando 1 ANO

PARABÉNS PARA TODOS NÓS NESTA DATA QUERIDA
MUITAS FELICIDADES
MUITOS ANOS DE VIDA

Acredito que quando se faz o que se gosta, não notamos o tempo passar e passou tão rápido... E foi com imenso prazer  e muito carinho, que dividi meu tempo com vocês.

Durante este primeiro ano de muitos outros que virão, fiz ótimas Amizades Virtuais e foi muito bom sentir o carinho de vocês,  através dos comentários.  E é por esta razão que agradeço: primeiro ao meu Marido e meu Filho pela força que deram na criação do blog e continuam ajudando, aos Amigos pelo incentivo diário, e acima de tudo a Deus por torna tudo isso possível. 

Valeu! Obrigaduuuuuuuu...!



Bolo Prestígio

Porque o Bolo não pode faltar em uma Festa... E o primeiro pedaço é todo seu!

Ingredientes:
Para a massa:
6 ovos (claras e gemas separadas)
2 xícaras de açúcar 
1 xícara de leite
1 xícara de chocolate em pó (não serve achocolatado)
2 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa cheia de margarina
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de sopa de fermento em pó químico

Para o recheio:
1 lata de leite condensado
3 gemas peneiradas (congele as claras e faça um pudim de claras, que ensinarei depois)
400 g de coco ralado de preferência fresco
1 colher de sopa rasa margarina 
1 colher de sopa rasa de farinha de trigo
1 colher de café de essência de baunilha ou açúcar vanile (colocar após o creme ficar pronto)

Parta a calda:
550 ml de água
5 cravos da índia
1 pedaço de canela em pau de tamanho médio
1 xícara de açúcar
Casca de 1 maçã 

Modo de preparo:
Massa do bolo:
Coloque as claras na vasilha da batedeira e bata por uns 3 minutos em velocidade média/alta, em seguida  adicione o açúcar e bata por mais 3 minutos. Adicione as gemas e bata por 15 minutos, agora em velocidade alta. Esse passo é muito importante para que o bolo cresça bastante e fique macio, portanto é essêncial que siga os minutos de cada etapa .
Enquanto isso, ferva o leite junto com a margarina e reserve.
Desligue a batedeira e acrescente a farinha de trigo peneirada, o bicarbonato e o fermento também peneirado assim como o chocolate. Mexa delicadamente com a ajuda de um fuê (batedor de arame) ou com a pá da batedeira, e quando estiver tudo bem homogênio adicione o leite quente com a margarina derretida e mexa delicadamente, de baixo para cima para não comprometer a leveza da massa e o crescimento da mesma.
Forre o fundo de uma forma de 23 cm de diâmetro com papel toalha (forre só o fundo da forma, não é necessário untar, pois assim o bolo cresce mais retinho e acredite ele soltará da forma sem fazer muita sujeira). Coloque a massa na forma e dê uma leve batidinha no fundo da mesma para retirar o ar, e em seguida leve ao forno prê-aquecido por 40 minutos (faça o teste do palito: espete um palito no bolo e se ele sair sujo deixe mais uns 5 minutos no forno).

Recheio:
Coloque todos os ingredientes em uma panela e mexa bem até engrossar. Deixe mais um pouquinho até quase soltar do fundo da panela, desligue o fogo adicione a essência de baunilha. Deixe esfriar.

Calda:
Junte todos os ingredientes e deixe ferver por +- 5 minutos. Coe e só utilize quando estiver completamente frio.

Para a montagem do bolo:
Corte o bolo ao meio depois de frio. Coloque uma parte dentro da própria forma onde foi assado o bolo, forrada com papel filme ou plástico para servir de aro e facilitar a montagem. Regue com parte da calda até você colocar a mão sobre o bolo e ela sair molhada (+- 8 a 10 colheres de sopa da calda - lembre-se que se molhar demais o bolo pode comprometer a consistência da massa). Coloque o recheio, a outra parte do bolo e regue com a calda que sobrou. Cubra com papel filme ou plástico e leve à geladeira por umas 4 horas. Depois, retire o bolo da forma e coloque no prato onde irá servir.
Para decorar você pode fazer um brigadeiro mole, passar por toda a superfície do bolo e colocar confeito de chocolate granulado; ou pode cobrir com chantilly; ou cobrir com um ganache de chocolate (250 g de chocolate meio amargo derretido, misturado a 1 caixinha de creme de leite); ou o que você quiser...

28 de out de 2010

Bacalhau à Gomes de Sá

Não dá para resistir.


Ingredientes:
1/2 kg de bacalhau dessalgado e em lascas
1/2 kg de batatas cortadas em rodelas cozidas Al dente
2 dentes de alho amassados ou picados
2 cebolas grandes cortadas em rodelas
3 ovos cozidos fatiados
Azeitonas pretas a gosto
125 ml de azeite de oliva extra virgem
Sal , pimenta do reino e salsinha picada a gosto (eu gosto de usar 1 cubo de caldo de bacalhau no lugar do sal)

Modo de preparo:
Coloque o bacalhau em uma panela com água e leve ao fogo baixo por aproximadamente 5 min. (não deixe que a água ferva). Desligue o fogo e mantenha a panela tampada por +- 20 min. Em seguida escorra toda a água e reserve.
Aqueça o azeite doure a cebola e o alho, junte as batatas e o bacalhau. Misture bem e deixe apurar um pouco, temperando com o sal e a pimenta do reino. Desligue o fogo, transfira tudo para um refratário e leve ao forno pré-aquecido a 260° por 15min. Ao retirar do forno coloque os ovos fatiados, as azeitonas e a salsinha bem picadinha para decorar. Regue com um pouco mais de azeite e sirva acompanhado de um bom vinho. 


27 de out de 2010

Está Chegando a Hora...

Docinho Caramelado de Nozes

Huuuuuummmmm!.. Macio por dentro e uma casquinha fininha e crocante por fora de dar água na boca.

Ingredientes:
1 lata de leite condensado
1 colher de sobremesa de manteiga sem sal
2 gemas peneiradas
1 1/2 xícaras de nozes bem trituradas (quase como uma farinha) 

Modo de preparo:
Misture tudo em uma panela, menos as nozes, leve ao fogo e deixe até começar a ferver. Em seguida acrescente as nozes e mexa sem parar até o doce começar a soltar do fundo. Deixe esfriar sobre um prato fundo untado com um pouco de margarina, para depois fazer as bolinhas com a massa do doce. Espete um palito de dentes em cada bolinha e levar ao freezer para gelar um pouco, mas não deixe que congele.

Ingredientes da calda de caramelo:
2 xícaras de açúcar cristal
1/2 xícaras de água
4 colheres de sopa de vinagre branco (não serve outro)

Modo de preparo:
Coloque todos os ingredientes em uma panela, misture bem até quase dissolver o açúcar. Leve ao fogo baixo, e deixe sem mexer até ferver e obter uma cor de guaraná, a esta altura sua calda estará em ponto de bala.
Passe os docinhos na calda com a ajuda do palito e coloque em uma superfície plana untada com manteiga e deixe até secar (o choque térmico da calda com o docinho ajuda a “vidrar” o caramelo). Retire com cuidado o palito e decore com pedacinho de nozes se quiser


26 de out de 2010

Tempurá de legumes

Este é um dos pratos japoneses mais práticos e também um dos mais apreciado pelo mundo.

Ingredientes:
Cenoura cortado em palito, nem muito fino, mas também não muito grosso (à julianne)
Abobrinha e berinjela cortados em rodelas ou em tiras
Brócolis e couve-flor em pequenos buques
  
Massa do tempurá:
1 ovo
1 xícara (240 ml) de água super gelada (isso faz com que o tempurá fique bem crocante)
1 xícaras (150 g) de farinha de trigo

Modo de preparo:
Bata o ovo, misture com a água, mexa bem e depois coloque a farinha. Misture até obter uma massa bem leve, não se preocupe se ficar um pouco em pelotada, mas só um pouquinho e não coloque sal, nem outro tempero na massa.

Passe os legumes rapidamente na farinha de trigo e em seguida mergulhe-os na massa do tempurá. Frite em óleo bem quente até dourar e estarem bem crocantes (óleo a +-185º C, e o suficiente para cobrir o tempurá). Depois de fritos, deixe-os escorrer sobre papel-toalha e sirva ainda quente acompanhado ou não do molho.

Molho:
1 xícara de água
2 colheres de sopa de hondashi (tempero à base de peixe)
3 colheres de sopa de molho shoyu (molho de soja)
1 1/2 colher de sopa de saquê mirin (ou use vinho branco doce)
Nabo ou gengibre ralado em ralo fino a gosto (opcional)

Modo de preparo:
Ferva a água, dissolva o hondashi e cozinhe por uns 2 minutos em fogo baixo. Acrescente os outros ingredientes do molho, deixe levantar fervura. Apague o fogo, coloque o nabo ou o gengibre ralado, misture bem e deixe esfriar completamente antes de servir.  Assim sendo, você deve preparar o molho antes mesmo de cortar os legumes ok.


Nota: Todos os legumes devem ser cortados a faca e todos no mesmo tamanho. Isto devem ser feito antes de preparar a massa.
Por ser uma massa é neutra, dá para fazer tempurá com: legumes, frutas (com exceção das frutas que contenham muito líquido, ex.: abacaxi, laranja...), tiras de peixes ou frango, camarões graúdos (sem a cabeça, descascados e limpos) e dá para fazer até com bolinhas de sorvete super congeladas.

24 de out de 2010

Dicas de Leitura


A história conta a vida de Artemis Fowl, um garoto de 12 anos, único herdeiro da família Fowl, que tem o maior Q.I. Da Europa e uma frieza perceptível. Ele usa essa inteligência fora do comum para fins muito pouco nobres.
Os dados começam a rolar quando Artemis descobre um mundo totalmente novo, o mundo das fadas. Por meios escusos, consegue roubar o Livro das Fadas, uma espécie de "Bíblia" entre o Povo, carregada por cada um de seus habitantes, e assim desvenda a sua linguagem peculiar, traduzindo o alfabeto das Fadas (chamado Gnomês). Assim, monta um plano para conseguir roubar o ouro das fadas, uma fortuna realmente muito grande e muito bem guardada. Ele seqüestra a elfo Holly Short e pede o resgate. A Capitã Holly Short faz parte da LEP (Liga de Elite da Polícia), mais especificamente da tropa de reconhecimento, a LEPrecon. A partir dai surgem diversos acontecimentos, inesperados ou não e o final dá margem a uma continuação.

Sequilhos de Leite Condensado e Coco

Delícia que derrete na boca.

Ingredientes:
1 lata de leite condensado
2 ovos
4 colheres de sopa de manteiga
1 colher de café de sal
4 xícaras de amido de milho (Maisena)
1 pacote de coco ralado seco (100 g)
1 colher de sopa de fermento químico em pó

Modo de Preparo
Em uma tigela, misture bem com as mãos o Leite condensado com os ovos, a manteiga, o sal e o fermento. Adicione aos poucos a maisena, mexendo até obter a consistência de enrolar. Retire uma pequena porção da massa e, com as mãos, faça um rolinho e em seguida molde o formato de uma rosquinha.Coloque-as em uma assadeira untada ou forrada com papel manteiga, separadas uma das outras com uma distância de +- 2 cm. Asse por 15 minutos em forno a 200°C pré-aquecido (temperatura médio-alto).  Após estar completamente frio, guarde em potes de vidro ou lata bem tampado, pois esta receita rende muitas rosquinhas.

Nota: Dependendo do tamanho do ovo, talvez necessite um pouco mais de amido de milho para dar o ponto, Ok.

23 de out de 2010

Tomates Verdes e Fritos

Este nome lembra um filme...

Ingredientes:
4 a 5 tomates grandes e verdes (não dá para fazer com tomates muito maduros)
1 xícara de farinha de trigo
1 xícara de farinha de rosca
2 ovos ligeiramente batido
Sal, pimenta do reino e orégano a gosto
Óleo para fritar

Modo de preparo:
Corte os tomates em rodelas de +- 1 cm. Tempere com sal, pimenta do reino e orégano e em seguida passe cada rodela pela farinha de trigo (coloco toda a farinha dentro de um saco plástico, coloco os tomates, fecho o saco e sacudo com cuidado até estar tudo empanado). Passe então pelo ovo e depois pela farinha de rosca (pode ser feito da mesma forma que a farinha de trigo). É importante as fatias estarem bem empanadas para que fiquem bem crocantes após a fritura.
Aqueça bem o óleo e coloque 2 a 3 fatias de tomates por vez para fritar (o óleo deverá cobrir os tomates), deixe dourar um pouco, escorra sobre papel absorvente e sirva como entrada de um belo almoço ou jantar, ou então como aperitivo acompanhado de uma cervejinha beeeeemmm gelada (neste caso sirva com limão como na foto acima - ketchup e mostarda também são bem vindos).

Nota: Se quiser dar um toque a mais, após frito coloque sobre as rodelas de tomates um pouco de queijo parmesão ralado, um toque de orégano, um fio de azeite e em seguida leve ao forno para gratinar ligeiramente. 

                                              
Enredo:
Uma dona de casa infeliz ouve de uma velhinha num asilo a
história de uma mulher que desafiou tudo e a todos na juventude.
Moral da história (a lição):
Viver de acordo com as regras que os outros impõem não
garante a aprovação alheia nem a realização, apenas a frustação.
Filme baseado em Livro:
O roteiro do filme foi baseado no livro da escritora Fannie Flagg.
Frase principal do filme:
-Qual é o segredo da vida? O segredo da vida está no molho. 
Filme do ano de 1991
(No filme os tomates verdes e fritos, eram reconhecidos como uma iguaria por todos da região)
 

22 de out de 2010

Pastelzinho Romeu e Julieta

Muito, muuuuuito gostoso.

Ingredientes:
200 gr queijo de minas
200 gr de manteiga
200 gr de goiabada cortada em cubos
Farinha de trigo até dar o ponto
1 gema para pincelar

Modo de preparo:
Amasse o queijo minas com um garfo e misture com a margarina até obter uma massa mole. Adicione a farinha de trigo aos poucos até a massa soltar das mãos. Forme uma bola de massa e deixe descansar por alguns minutos.
Sobre uma superfície limpa e enfarinhada, abra a massa com a ajuda de um rolo de pastel, corte vários discos com o auxílio de cortadores ou de uma pequena xícara, recheie com a goiabada. Dobre os pasteizinhos, fechando-os bem com ajuda de um garfo ou uma carretilha (como um pastel comum). Distribua os pasteizinhos em uma assadeira untada e enfarinhada. Passe um pouco de gema sobre eles e asse em forno pré-aquecido a 180°, até começarem a dourar.

21 de out de 2010

Purê de Inhame

Esta receita é "Tudo de Bom".
O inhame, além de outros benefícios e bom para o sistema imunológico, funcionamento do intestino, bom para os ossos, dentes, sistema nervoso e é um excelente depurativo para o sangue.

Ingredientes:
1 kg de inhame
2 xícaras de leite
2 colheres de margarina
2 a 4 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
1 colher de sobremesa de cebola ralada ou picada (opcional)
Sal a gosto

Modo de preparo:
Descasque, pique os inhames e em seguida lave-os bem.
Cozinhe em água e sal até que fiquem macios. Escorra, deixe esfriar um pouco e em seguida coloque no liquidificador com todos os demais ingredientes e bata bem. Leve novamente ao fogo, acerte o sal se necessário e mexa até começar a desprender da panela (se quiser mais molinho acrescente leite quente aos poucos, mexendo bem até alcançar a cremosidade desejada).


20 de out de 2010

Chá de Maçã, Maracujá e Canela

Gente, este fim de semana experimentei um chazinho na casa de uma amiga que huuummmmmmm... Pedi a receita porque eu tinha que dividir com vocês.

Ingredientes:
Cascas de 2 maçãs
Polpa de 1 maracujá
1 pau de canela pequeno (+- 3 centímetros)
1,5 l. de água filtrada

Modo de preparo:
Coloque a água, as cascas da maçã, a polpa do maracujá e a canela em uma panela em fogo brando. Conte 10 minutos após levantar fervura. Desligue o fogo, tampe a panela e deixe por mais 5 minutos. Passe o chá por uma peneira, coloque em um lindo bule de chá, adoce ao seu gosto e sirva com bolos e biscoitinhos.

19 de out de 2010

Sopa de Tomate e Tomilho

O tomate é rico em vitaminas do complexo B, vitaminas A e C, além de apresentar diversos sais minerais (ferro, fósforo, potássio...). Mas o maior benefício desta hortaliça é uma substância denominada licopeno, que só é liberado após o seu cozimento, sendo capaz de prevenir vários tipos de tumores cancerígenos.

Ingredientes:
1 colher de sobremesa de azeite extra virgem
1 cebola pequena picada ou ralada
1 dente de alho grande amassado ou picado
2 tomates bem grandes picado sem a pele
1 colher de sopa de extrato de tomates
200 ml de água quente
1 colher de chá de tomilho seco (pode substituir por: manjericão, ou sálvia, ou orégano)
Sal ou tempero em pó de legumes a gosto

Modo de preparo:
Doure levemente a cebola e o alho no azeite. Acrescente os tomates refogando-os um pouco antes de colocar os demais ingredientes. Deixe cozinhar por aproximadamente 20 min. com a panela tampada,  em fogo baixo e mexendo de vez em quando. Retire do fogo, deixe esfriar um pouco e bata tudo no liquidificador. Volte então a sopa para a panela e reaqueça antes de servir. 

Nota: Se quiser após estar pronta a sopa você pode adicionar a seu gosto, um pouco de queijo parmesão ralado em ralo grosso, pimenta do reino, um pouco mais do tomilho, ou do manjericão, ou do orégano que você utilizou para fazer a sopa e um fio de azeite.
 

18 de out de 2010

Parabéns Doutor

17 de out de 2010

Chuchu Recheado

Uma receitinha da vovó que sempre faz sucesso.


Ingredientes:
400 g de carne moída
4 a 5 chuchus descascados e cortados ao meio
1 colher de sopa de azeite
1 dente de alho amassado
1 cebola média picada ou ralada
1 tomate picado sem a pele e sem as sementes  ou 1 colher de sopa de extrato de tomates
1 cubo de caldo de carne
Azeitonas picadas a gosto
1/2 xícara de milho verde em conserva (opcional)
Orégano a gosto (opcional)
Salsinha picada a gosto (deixe algumas folhas inteiras para decorar)
1 xícara de queijo mussarela ralado em ralo grosso


Modo de preparo:
Afervente os chuchus em água e sal até estar Al dente. 
Escave um pouco o centro de cada chuchu para retirar o miolo, ou seja, a semente formando uma cavidade (veja a foto - aparte que foi retirada, fora o miolo é claro, deverá ser picada e misturada ao recheio de carne). Reserve.
Aqueça o azeite, doure o alho e a cebola e refogue a carne moída até quase secar. Junte o tomate o caldo de carne o milho e a azeitona. Continue a  refogar, e um pouquinho antes de terminar junte o orégano e a salsa bem picadinha, e não se esqueça de mexer bem. Reserve e deixe que esfrie um pouco.
Agora e só rechear cada metade de chuchu com o refogado. Coloque em seguida os chuchus lado a lado em um refratário ou assadeira forrado com papel alumínio levemente untado com óleo. Polvilhe com o queijo e leve ao forno pré-aquecido em temperatura média de 240° a 218°, por cerca de 10 minutos ou até derreter o queijo e começar a dourar. 
Se desejar pode colocar um fio de azeite ao retirar do forno, e então é só servir acompanhado de um arroz bem soltinho.