Pesquisa do Blog

12 de out de 2012

Hoje é DIA DA CRIANÇAS


Mas, Como surgiu o Dia da Criança? 
No Brasil o Dia das Crianças foi criado pelo deputado federal Galdino do Valle Filho, que teve a ideia de criar um dia em homenagem às crianças na década de 1920. Sendo aprovados por meio do decreto nº 4867, de 5 de novembro de 1924, pelos demais deputados da Câmara e pelo então Presidente Arthur Bernardes.

Mas, no entanto, somente em 1960 a data passou a ser realmente comemorada. O motivo foi que a Fábrica de Brinquedos Estrela fez uma promoção conjunta com a Johnson & Johnson, para lançar a "Semana do Bebê Robusto" e aumentar suas vendas. A estratégia deu certo, pois até hoje “O Dia das Crianças” é comemorado com muitos presentes.
Depois deste sucesso, outras empresas pensando em seus lucros, decidiram unir-se e criar a “Semana da Criança”. O que também foi um sucesso, e no ano seguinte, os fabricantes de brinquedos decidiram escolher um único dia para a promoção e fizeram então ressurgir o antigo decreto. 
A partir daí, o dia 12 de outubro se tornou a data oficial do Dia das Crianças no Brasil.

Outros países comemoram o Dia das Crianças em datas diferentes:
- Na Índia, por exemplo, a data é comemorada em 15 de novembro.
- Em Portugal e Moçambique, a comemoração acontece no dia 1° de junho.
- China e do Japão comemoram a data em 5 de maio.

Mas, muitos países comemoram o Dia das Crianças em 20 de novembro, já que a ONU (Organização das Nações Unidas) reconhece esse dia como o “Dia Universal das Crianças”, pois nessa data também é comemorada a aprovação da “Declaração dos Direitos das Crianças” - Resolução da Assembleia Geral 1386 (XIV), de 20 de Novembro de 1959, que tem como base e fundamento os direitos a liberdade, estudos, brincar e convívio social das crianças, que devem ser respeitadas e preconizadas a partir de dez princípios básicos:

Princípio I - À igualdade, sem distinção de raça, religião ou nacionalidade.
Princípio II - Direito a especial proteção para o seu desenvolvimento físico, mental e social.
Princípio III - Direito a um nome e a uma nacionalidade.
Princípio IV - Direito à alimentação, moradia e assistência médica adequada, para a criança e a mãe.
Princípio V - Direito à educação e a cuidados especiais para a criança física ou mentalmente deficiente.
Princípio VI - Direito ao amor e à compreensão por parte dos pais e da sociedade.
Princípio VII - Direito á educação gratuita e ao lazer infantil.
Princípio VIII - Direito a ser socorrido em primeiro lugar, em caso de catástrofes.
Princípio IX - Direito a ser protegido contra o abandono e a exploração no trabalho.
Princípio X - Direito a crescer dentro de um espírito de solidariedade, compreensão, amizade e justiça entre os povos.

FELIDIDACRIANÇAS
A Todas As Crianças de Ontem, Hoje e Amanhã!!!!


Um comentário:

  1. Olá, passei por aqui e adorei ser recebida por
    NOSSA SENHORA APARECIDA.
    Fiquei encantada com o teu cantinho, peguei a receitinha do pudim de abacaxi que deve ser delicioso
    Parabéns, já fiquei te seguindo e pretendo voltar
    Se quiser me visitar, será muito bem vinda
    Bjsssssss e um lindo final de semana.

    ResponderExcluir