Pesquisa do Blog

30 de set de 2013

Geladeira Saudável

Sempre dizemos que na segunda-feira, iremos começar aquela tão esperada dieta... Ei, acorda, hoje é segunda-feira!!!!
E que tal, ao invés de fazer uma dieta, você iniciar uma mudança de hábitos?

Estou voltando da consulta com a minha endocrinologista, e ela me disse que deveríamos nos alimentar da seguinte forma: Tomar o café da manhã como uma rainha, almoçar como uma ledy, lanchar como uma plebeia e  jantar como uma mendiga. E se abastecer a geladeira com os alimentos certos, assaltá-la não será motivo de tanta culpa.

  

É incrível: toda vez que a gente se propõe a perder peso, a geladeira de casa passa a exercer uma atração infinitamente maior do que a de costume (o mesmo vale para os armários, repletos de biscoitos recheados entre outros) — sem perceber, lá estamos nós espiando o que tem dentro da danada para beliscar. Mas no lugar de travar uma batalha insana contra ela, transforme-a numa aliada. Se souber preenchê-la só com alimentos saudáveis e pouco calóricos, não vai se expor à tentação de traçar o sorvete de chocolate que está ali dando sopa ou passar à base de pizza congelada por falta de opções mais leves. Do querido pão do café da manhã à sobremesa do jantar, você pode encher as prateleiras exclusivamente de comidas do bem sem sacrificar seus desejos.

Variedade no recheio da geladeira é fundamental. “Monotonia no sabor e na textura dos alimentos afasta as garotas do objetivo de enxugar os excessos na balança”, diz o nutricionista Leonardo Haus, do Rio de Janeiro, que orienta a introduzir toda semana um alimento inédito no cardápio. “Com isso, você desenvolve o gosto por sabores diferentes e a possibilidade de consumir todos os nutrientes que precisa é maior”, completa. 
Se preferir ir ao supermercado com uma lista pronta, legal. Mas procure fazer algumas mudanças — pegue uma fruta que você não come faz tempo ou um produto light novo e gostoso. Sim, existe prazer na comida saudável — a indústria de alimentos sacou isso e sempre coloca um montão de produtos com esse perfil nas gôndolas.

Uma boa sugestão para facilitar as compras é organizá-la por refeição.
- Frutas, pão e torrada integral, queijo branco, cream cheese, iogurte ou leite desnatado são itens básicos e rendem um café da manhã completo.
- Os semi-prontos são alternativas práticas para o almoço e o jantar, especialmente se você vive correndo e não sabe cozinhar, ou para aquele dia que você nem quer cozinhar. E tem várias opções que combinam com sua dieta. “Hambúrguer e salsicha de carne magra são fáceis de preparar e pouco calóricos”, sugere a nutricionista Cynthia Antonaccio, de São Paulo.
- As hortaliças são fontes de fibras, vitaminas e minerais e, portanto, nem pense em dispensá-las. Se você tem preguiça ou falta tempo para lavar e picar, use a estratégia de comprar as folhas higienizadas e os legumes sem casca, cortados ou raladinhos “Eles duram menos, custam mais caro e perdem parte dos nutrientes, porém, aumentam a chance da gente consumi-los mais vezes na semana. E convenhamos, isso é melhor do que comer verduras e legumes esporadicamente”, diz Cynthia.... Chester e queijo light fatiados são perfeitos para um lanche rápido.

Para completar a compra, escolha dois ou três sucos sem açúcar e que forneçam vitaminas e minerais sem que você tenha o trabalho de espremer as frutas. Também compensa investir em chá light, água-de-coco e água mineral para manter o corpo bem hidratado. E, por fim, procure três ou quatro sobremesas magras — elas dão uma boa segurada na vontade de comer doce de verdade, aqueles carregados de açúcar. Geladeira completa, o próximo passo é distribuir bem as refeições (de quatro a seis por dia, incluindo os lanches) e combinar certo os alimentos.
                                                                                                             (Fonte: Revista Boa Forma)                                                                                    
Vejamos então: 
- Para evitar TODO esse dilema e culpa, o ideal seria  fazer uma lista antes de ir ao mercado, mas nunca deixe para escrevê-la com fome, ou não haverá papel suficiente... Kkkkkkkkkk 
- Existem várias opções que podem ser armazenadas em casa sem que tenhamos que nos preocupar com o número de calorias: abobrinha, aipo, alface, berinjela, chuchu, ,cereja, peito de frango, água, leite desnatado são algumas delas. 
- Procure rechear a geladeira com itens poucos calóricos... A relação desses produtos é enorme, e você deve saber bem do que estamos falando.

De certa maneira, podemos dizer que existe a seguinte equação: cozinha saudável é igual a corpo sadio.
E para finalizar, encontrei essa imagem na Net que nos mostra "Como Organizar os Alimentos em sua Geladeira"... Até a próxima!!!




29 de set de 2013

Chá de Maracujá e Maçã

Nada como um Delicioso chá para adoçar a sua tarde.

Ingredientes:
Casca e polpa de 1 maracujá
1 maçã com casca cortada em 4 fatias (retire as sementes, Ok!)
4 xícaras de água
Mel, ou açúcar, ou adoçante a gosto

Modo de preparo:
- Em uma panela coloque a água, maracujá e a maçã.
- Leve ao fogo alto. Quando ferver diminua a intensidade do fogo e deixe fervendo por 10 minutos em fogo baixo. 
- Coe, adoce a seu gosto e sirva.


Nota: Esse chá também pode ser servido gelado.



TENHAM TODOS UM BOM DOMINGO!!!

27 de set de 2013

Estrogonofe de Camarão

Huuuuuuuummmmmmmm... Delicia!!!!

Ingredientes:
1 kg de camarão de tamanho médio
1 vidro pequeno de cogumelos
1/2 lata de milho
3 colheres de catchup
2 colheres de extrato de tomate
1/2 vidro de requeijão
1 caixinha de creme de leite
1 cebola grande bem picadinha
2 dentes de alho amassados
1 pitada de noz moscada de preferência ralada na hora
1 cubinho de caldo de galinha
Sal a gosto
Salsinha e cebolinha picada, e queijo parmesão a gosto para decorar

Modo de preparo:
- Limpe o camarão e reserve.
- Em uma panela, pique a cebola em quadradinhos e frite-a com 1 colher de azeite. Quando a cebola estiver bem moreninha, mas não queimada, acrescente o alho amassado e junte o camarão.
- Diminua a temperatura e cubra os camarões de água. Acrescente o caldo de galinha e deixe cozinhando por 10 minutos
- Adicione em seguida o extrato de tomate, o catchup, o milho e o cogumelo. Deixe cozinhar por m ais 5 minutos e coloque a noz moscada.
- Desligue e em seguida, misture o creme de leite, o requeijão e está pronto para servir.
- Decore se quiser, com salsinha e cebolinha bem picadinha (o mesmo que cheiro verde) e queijo parmesão ralado.


25 de set de 2013

Flan Delicioso de Goiaba

Adoce o seu dia, com esta Deliciosa receita... Huuuuuuuummmmmmmm!

Ingredientes: 
1 envelope de gelatina em pó sem sabor (12g)
6 goiabas vermelhas
1 lata de leite condensado
3 colheres de sopa de suco de limão

Modo de preparo: 
- Dissolva a gelatina conforme instruções da embalagem. Reserve. 
- Pique as goiabas, e bata tudo no liquidificador com meia medida (use a lata do leite condensado como medida) de água. Passe o suco por uma peneira. 
- Em uma tigela, misture o leite condensado, meia medida de água (use a lata como medida), as goiabas batidas no liquidificador, o suco de limão e a gelatina dissolvida. Mexa tudo muito bem.
- Coloque o flan em forma de pudim molhada (ou levemente untada, com óleo) e leve à geladeira por cerca de 4 horas, ou mais.
- Na hora de servir, desenforme e decore a seu gosto.



Nota: Se quiser, faça uma calda com 2 a 3 goiabas picadas, 1/2 xícara de água e 2 colheres de sopa de açúcar. 
Bata tudo no liquidificador, e coe em seguida. Leve ao fogo médio, mexendo de vez em quando, e cozinhando por cerca de 5 minutos. 
Coloque na geladeira por alguns minutos e regue o flan, quando a calda estiver bem geladinha.



23 de set de 2013

Rondelli ou Canelone...

Você decide. 

Ingredientes:
8 folhas de massa fresca para lasanha (massa pré-cozida)
200 gr de ricota amassada com o garfo
2 colheres de sopa de cheiro verde (o mesmo que salsinha e cebolinha) bem picadinha
1 colher de sobremesa de cebola ralada (opcional)
200 gr de presunto
Sal e pimenta do reino a gosto

Molho Branco:
4 colheres de sopa de farinha de trigo
4 xícaras de leite aromatizado**
4 colheres de sopa de manteiga
3 colheres de sopa de queijo parmesão
Sal a gosto
1 caixa de creme de leite (opcional)

300 gr de queijo parmesão ou mussarela ralada em ralo grosso para gratina

Modo de preparo:
- Misture a ricota com o cheiro verde picado, a pimenta do reino, a cebola ralada e o sal. Reserve.
- Estenda as folhas de lasanha sobre uma superfície, espalhe um pouco do recheio de ricota e sobre ela coloque uma fatia de presunto. Enrole a massa da lasanha como se fosse um rocambole. Repita o processo até terminar a massa.
- Para formar o rondelli, basta apenas cortar esse "rocambole" em rodelas de aproximadamente 3 cm cada, e distribuir cada uma em um refratário untado com margarina. OBS.: Na foto menor você vê a direita à massa de lasanha enrolada como um rocambole. Se deixar apenas assim você terá um canelone, mas se cortar como foi dito e se vê na foto menor a esquerda, você terá um rondelli. Ok!
- Coloque o molho, cubra com o queijo parmesão ou a mussarela, e leve ao forno pré-aquecido até gratinar   (+ - 20 a 30 min. em forno a 180°)

Molho Branco:
- Em uma panela derreta a manteiga e adicione a farinha deixando-a dourar levemente, sem parar de mexer (não deixe escurecer, deixe apenas o suficiente para não deixar a farinha crua). 
- Em seguida, fora do fogo, coloque o sal, o queijo parmesão e o leite e mexa bem até estar tudo bem incorporado e sem "pelotinhas". 
- Leve novamente ao fogo baixo e mexa o molho constantemente até engrossar e alcançar a consistência desejada.
- Se quiser deixar o molho mais aveludado adicione o creme de leite ao retirar a panela do fogo.                             

**Leite aromatizado: Ferva o leite com 2 cravos da índia, uma pitada de noz moscada de preferência moída na hora e uma pitada de orégano. Coe o leite em uma peneira fina e utilize em seguida no molho branco.
Você pode utilizar o leite em natura, mas acredite assim fica muito mais gostoso.  


Nota: A minha sugestão foi acompanhar o rondelli com molho branco, mas você poderá fazê-lo com o molho de sua preferência. Assim como pode também utilizar outros recheios.
- No lugar da massa fresca para lasanha, é possível utilizar massa de pastel (rolo de massa pronta comprada nas feiras livres, ou supermercado).

21 de set de 2013

Faltam 2 Dias para a Primavera aqui no Brasil


20 de set de 2013

Café com Leite Louco de Bom

Não dá pra explicar, você tem que experimenta.

Ingredientes:
Cubos de Gelo de Café 
2 colheres de sopa de café instantâneo
2 copos americanos de água quente
1 colher de sopa de açúcar (ou açúcar a seu gosto, ou ainda açúcar culinário

Leite Aromatizado
1/2 litro de leite
Casca de 1 limão (cuidado para não cortar a parte branca abaixo da casca, isso deixa um gosto amargo)
1 anis estrelado
1 colher de sopa de açúcar

Modo de preparo:
- Para os cubos de gelo: dissolva o café instantâneo na água quente. Coloque o açúcar, misture e transfira para forminhas de gelo. Deixe esfriar um pouquinho e leve para congelar +- por 6 horas. 

- Para o leite: depois que os cubinhos de café estiverem prontos, coloque em uma panela todos os itens para o leite aromatizado, misture e aqueça sem ferver por 5 minutos. Coe, coloque em uma jarra e mantenha na geladeira para esfriar.

- MontagemEm um copo longo coloque os cubos congelados de café, complete o copo com o leite, mexa um pouco e sirva.


Fonte: http://diadia.band.uol.com.br

18 de set de 2013

Maminha na Cerveja

Esta é uma receita que não dá quase trabalho de fazer. 
Você só vai sujar uma única panela, e a carne vai ficar super macia, com um molho escuro gostoso e bem encorpado... Essa receita é realmente TUDO DE BOM!!!

Ingredientes:
1 peça de maminha
1 lata de molho de tomates
1 pacote de creme de cebola
2 latinhas de cerveja escura tipo Malzbier

Modo de preparo:
- Coloque todos os ingredientes em uma panela de pressão, exceto a carne, misturando bem até estar tudo bem incorporado.
- Sobre essa mistura coloque a maminha.
- Feche a panela de pressão, acenda o fogo e quando a panela começar a chiar, abaixe o fogo e deixe por 1:15 hora. O único cuidado que deve ser tomado é, de tempos em tempos, agitar um pouco a panela com cuidado e sem abrir a tampa. Preste atenção também no chiado da panela. Se ela parar de fazer barulho é sinal que a cerveja secou. Interrompa o cozimento para não queimar. 
- Após o tempo recomendado, abra a panela, retire a carne, o molho e sirva.


Fonte: Já faz tempo que tenho a receita, e não lembro mais a fonte... Desculpe.

16 de set de 2013

Petit Suisse Caseiro

Uma sobremesa fácil de fazer, e que eu tenho a certeza que vai agradar a todos.

Ingredientes:
Calda
600g de morangos frescos limpos e cortados ao meio
Soco de 1 limão 
1 xícara de adoçante culinário (ou se preferir, açúcar comum)

Metade da calda acima e mais esses ingredientes: 
250g de ricota 
250g de coalhada seca

Outros ingredientes
Frutas frescas e folhas de hortelã para decorar

Modo de preparo:
- Em uma panela coloque todos os ingredientes e deixe cozinhar em fogo brando por 10 minutos, desligue o fogo e deixe esfriar. 
- Em um liquidificador coloque metade da calda reservada (o restante mantenha na geladeira em um recipiente com tampa), a ricota, a coalhada e bata por 3 minutos sem parar. 
- Coloque o creme em pequenos potinhos e decore como quiser.
- Mantenha na geladeira até a hora de servir, e nesse momento, adicione um pouco da calda que restou para finalizar.


12 de set de 2013

Leite de Onça

Esse é um dos meus drinks favoritos... Você está servido?

Ingredientes:
1 vidro pequeno de leite de coco
2 gotas de essência de coco (isso da um aroma especial drink, mas é opcional)
1 lata de leite condensado
1 litro de cachaça de boa qualidade, ou vodka
1 litro de água
1 kg de açúcar
1 litro de leite

Modo de preparo:
- Junte todos os ingredientes e bata no liquidificador, simples  assim.
- Sirva em temperatura ambiente, ou gelado se preferir. 


10 de set de 2013

Massa Rápida para Coxinha e outros Salgadinhos

Esta massa é super prática, macia e muuuuiiiito gostosa... E serve para fazer coxinhas e vários outros salgadinhos como, por exemplo: risoles, croquetes, bolinhas recheadas com queijo, etc.

Ingredientes:
Para a massa:
1 pacote de sopa creme de galinha (ou sopa creme de cebola)
1/2 litro de água
1 xícara de farinha de trigo
1 colher de sobremesa de margarina em temperatura hambiente
2 gemas
Sal e pimenta do reino a gosto

Para o recheio:
Frango cozido, temperado a seu gosto e desfiado
Salsinha e cebolinha verde bem picadinha, ou orégano a gosto (opcional)

Para empanar:
Ovos batidos (a quantidade depende do tamanho do seu salgadinho, e também do tamanho dos ovos)
Farinha de rosca

Modo de preparo:
- Em uma panela coloque a água, a farinha de trigo, a margarina, a sopa creme de galinha, as gemas, a pimenta do reino e o sal e misture tudo muito bem (se preferi, você pode bater tudo no liquidificador, ou no Mixer e depois transferi para a panela).
- Cozinhe a massa em fogo médio, mexendo delicadamente sem parar até soltar do fundo da panela.
- Deixe esfriar ao ponto de você poder trabalhar a massa, sovando um pouco até ficar bem lisinha e macia.
- Agora é só fazer as coxinhas do tamanho que preferir (para facilitar unte um pouco as mãos com óleo): abra a massa, coloque o recheio, feche dando o formato da coxinha, passe no ovo batido e na farinha de rosca (empanar apenas uma vez - eu utilizo 2 sacos plásticos: um para o ovo batido e outro para a farinha de rosca. Coloco uma porção de coxinhas no saco, fecho, e com cuidado movimento o saco até deixar tudo bem empanado). Feito isso, frite em óleo bem quente até dourar.
- Retire com cuidado do óleo, deixe escorrer o excesso de gordura sobre papel absorvente e sirva.


Nota:
- Opções de recheio: Carne moída, palmito, ovo cozido, salsicha, queijo prato em cubos, ou você pode inventar o seu próprio recheio.
- Se você não encontrar sopa creme em seu supermercado, poderá utilizar a sopa comum de pacotinho, mas, nesse caso a massa poderá ficar com pedacinhos da sopa (nada que comprometa muito). 


8 de set de 2013

Consertar o Mundo

Um cientista vivia preocupado com problemas do mundo e estava resolvido a encontrar meios para amenizá-los. Passava dias em seu laboratório em busca de resposta para suas dúvidas.
Certo dia, seu filho de sete anos invadiu seu laboratório decidido a ajudá-lo a trabalhar. O cientista, nervoso pela interrupção, tentou que o filho fosse brincar em outro lugar. Vendo que seria impossível removê-lo, o pai procurou algo que pudesse ser oferecido ao filho, com objetivo de distrair sua atenção. De repente deparou-se com o mapa do mundo. Era isso o que procurava! Com uma tesoura recortou o mapa em vários pedaços e o entregou ao filho, dizendo:

 - Você gosta de quebra-cabeças? Então vou lidar o mundo para consertá-lo. Faça tudo sozinho.

O pai calculou que a criança levaria dias para recompor o mapa. Passadas algumas horas, o filho apareceu com o mapa todo montado. Inicialmente o pai não acreditou, mas para sua surpresa o mapa estava montado direitinho.

- Você não sabia como era o mundo, meu filho, como conseguiu ?
- Pai ,eu não sabia como era o mundo, mas vi que do outro lado da folha havia a figura de um homem. Virei os recortes e comecei a consertar o homem. Quando consegui consertar o homem, virei a folha e vi que havia conseguido consertar o mundo.

De fato ,o mundo em que vivemos e nossa vida muitas vezes parecem um autêntico quebra-cabeças, confuso e desorganizado. No entanto, quando nos dispomos a organizá-lo, descobrimos como é fácil: basta ter coragem de reconstruir, em primeiro lugar, o homem, e logo o nosso mundo começa a organizar-se. Este é o grande desafio que a vida nos faz. Sermos capazes de melhorar o nosso modo de ser, para termos um mundo melhor. Para transformar o mundo é necessário transformar o nosso coração, o coração dos homens.

(Teosofia para Principiantes)

6 de set de 2013

Pudim de Limão de Micro-ondas

Para quando bater aquela vontade de comer uma sobremesa gostosa, e que você não quer esperar muito tempo para ficar pronta.

Ingredientes:
Pudim:
1 lata de leite condensado
4 colheres de sopa de suco de limão
1 1/2 xícara de leite
3 ovos
Raspas da casca de limão de aproximadamente 1 limão (cuidado para não raspar a parte branca da casca)

Calda:
8 colheres de sopa rasa de açúcar
8 colheres de sopa de água

Modo de preparo:
Calda
- Coloque em um refratário para pudim (com furo no meio) a água e o açúcar e leve ao micro-ondas por cerca de 9 a 10 minutos na potência alta. Com a ajuda de uma colher caramelize bem toda a fôrma.

Pudim:
- Bata no liquidificador o leite condensado com o suco de limão. Depois de bem batido, acrescente o leite, os ovos e por último as raspas. Misture bem, despeje na fôrma caramelizada e leve ao Micro- ondas por 5 minutos  (potência alta). 
-  Sem abrir a porta do seu micro-ondas, reduza para potência para média-alta (70) e deixe cozinhar mais 1 a 3 minutos. 
- Testar o ponto  do  cozimento  com um palito; se sair seco, estar pronto,  ainda que a superfície não tenha completado o cozimento. Cobrir e aguardar por 10 minutos no Tempo de Espera. 
- Desenforme quando estiver morninho, quase frio para não quebrar o pudim.
- Decore com fatias bem fininhas de limão como na foto se quiser.

                
Nota: 
- Cuidado ao caramelizar a  forma; ao final do tempo o caramelo escurece rapidamente. Preste atenção para que a calda não fique muito escura. O ideal é que esteja com a cor do guaraná.
- Após o tempo de cozimento, o pudim na parte de cima poderá ficar uma espuma, e parecer que não está totalmente cozido... Isso é normal, e você poderá ter a certeza do cozimento vendo os "buraquinhos" que se formram dos lados do pudim.

3 de set de 2013

Feijão com Arroz uma Dupla Imbatível

Presentes diariamente no prato dos brasileiros, o arroz e o feijão contêm substâncias importantes para o nosso organismo.
Veja o porquê essa dupla é considerada uma combinação perfeita quando consumidos juntos.


Benefícios do Arroz:
1. Rico em vitaminas do complexo B
2. Rico em amido (contribui com a absorção de proteínas e fornece energia)
3. Fácil digestão
4. Raramente provoca alergias

Benefícios do Feijão:
1. Rico em proteínas vegetais
2. Rico em vitaminas do complexo B
3. Rico em ferro, potássio, zinco, entre outros minerais essenciais
4. Rico em fibras

Além dos benefícios demonstrados em separado, a combinação do feijão com arroz é perfeita, pois ambos fornecem os aminoácidos que auxiliam nosso corpo a formar suas próprias proteínas (músculos, pele, cabelos, unhas, ossos, cicatrização). Tudo isso porque os aminoácidos deficientes no feijão são justamente os que estão presentes no arroz. O arroz é pobre no aminoácido lisina, presente no feijão. Este por sua vez, não possui o aminoácido essencial metionina, abundante no arroz. Por este motivo, a mescla proteica, resultante de um prato de arroz e feijão, apresenta um valor biológico equivalente ao da proteína da carne.

Para complementar:
- Aminoácidos essenciais (o organismo não produz, é necessário ser ingerido pela alimentação): Leucina, isoleucina, valina, triptofano, metionina, fenilalanina, treonina e lisina (a histidina é um aminoácido essencial na infância). 
- Aminoácidos não-essenciais (o próprio organismo produz): Alanina, arginina, ácido aspártico, asparagina, ácido glutâmico, cisteína, glicina, glutamina, prolina, serina e tirosina.

O valor das proteínas, vitaminas, acido fólico e do ferro para o nosso organismo:
- As proteínas participam de inúmeras funções no organismo, como transporte e armazenamento de substâncias, crescimento e diferenciação de tecidos (músculo, pele, ossos). 
- As vitaminas do complexo B estão associadas às funções de síntese de proteínas, metabolismo de carboidratos e gorduras, crescimento, formação de células sanguíneas, preservação de células nervosas, maturação das células epiteliais, entre outras. 
- O ácido fólico atua na formação das células, inclusive na produção normal de hemácias, sendo sua deficiência caracterizada pela anemia macrocítica. O zinco está relacionado aos processos de cicatrização, síntese protéica, maturação sexual, imunidade. 
- O mineral ferro é elemento essencial na formação das hemácias e diversos processos biológicos. A sua deficiência caracteriza-se pela anemia microcítica. O potássio atua em reações do organismo, como na produção de energia e no armazenamento de glicogênio e proteínas.
Embora o mineral presente no vegetal não seja tão bem aproveitado pelo organismo quanto o que está nas carnes vermelhas, pode, sim, afastar a anemia. Para melhorar sua absorção, consuma o feijão junto com uma fonte de vitamina C - folhas verdes, suco de laranja, limonada, acerola ou goiaba.

Arroz integral é tudo de bom:
Diferentemente do arroz branco (ou polido), o tipo integral tem preservada a película que envolve o grão. Assim, concentra micronutrientes, como vitaminas do complexo B, cálcio, magnésio, ferro, potássio e zinco. 
Basicamente composto de amido, o arroz branco, também conhecido como refinado, é fonte de carboidrato de rápida absorção. Consumido diariamente, faz disparar as taxas de açúcar e insulina no sangue, deixando como rastros, além do risco de diabete, uma barriguinha saliente. 
Na comparação com o arroz branco, o negro, que é uma variedade do integral, contém dez vezes mais compostos fenólicos, um grupo de antioxidantes que protegem as células dos radicais livres. Para variar as refeições, faça um rodízio de suas várias versões - o negro, o vermelho e os tipos que unem sete grãos e sete cereais.
Sabemos que altas temperaturas podem reduzir a quantidade de vitaminas do complexo B, hidrossolúveis. Como o arroz integral é uma boa fonte delas, convém cozinhá-lo na panela de pressão, em fogo lento.

Até o humor melhora:
O arroz integral é importante fonte de vitamina B6 e triptofano - ambos precursores de um neurotransmissor chamado serotonina, responsável pela sensação de bem-estar e que tem papel fundamental no controle de compulsões, principalmente a carboidratos. Quando há déficit de serotonina no cérebro, é na caixa de bombons que vamos buscar alívio rápido para a súbita melancolia. O feijão também está lotado de triptofano. Então, ao lado do arroz, reduz o desejo de comer doces e ajuda a espantar estados depressivos, garantindo ânimo e alto-astral. Ainda a favor do arroz integral, saiba que é ótima fonte de tiamina ou vitamina B1, que também entra na linha de produção da serotonina e é essencial para brecar o stress.

TPM!.. Eu?
Está provado... Os sintomas da tensão pré-menstrual ficam bem atenuados quando o feijão frequenta o cardápio. Segundo estudo do Instituto de Medicina dos Estados Unidos, a leguminosa fornece boas doses de tiamina e riboflavina, alguns dos diferentes tipos da vitamina B, que está associada à redução de sinais como irritabilidade e inchaço - presentes mês sim e outro também.

Proteção contra câncer:
Além de diminuir o risco de tumores no intestino porque suas fibras ajudam a eliminar toxinas, o feijão pode prevenir o câncer de mama, graças às isoflavonas presentes nos grãos. Essas substâncias reduzem a ação do estrógeno, impedindo a proliferação de células mamárias alteradas. Sem contar que também facilitam a absorção de gordura, relacionada ao aparecimento de tumores nos seios.

Vida longa à parceria:
Prato mais popular do que o tradicional arroz com feijão não existe. Apesar disso, dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam uma tendência de queda no consumo. Entre outros motivos, porque a praticidade dos pratos prontos ou semiprontos acaba prevalecendo sobre o alto valor nutritivo de refeições saudáveis. Nem o corre-corre de todo dia, porém, justifica abrir mão dessa dupla. Afinal, em qualquer restaurante por quilo lá estão o arroz e o feijão, prontinhos para ser saboreados. E sempre resta a opção de congelar os dois alimentos para levá-los à mesa na hora do jantar.

Emagreça a dupla:
Convencida a não fugir mais dessa saborosa parceria?.. Ótimo. 
Então agora você só precisa dosar as quantidades. Se você faz dieta ou quer manter o peso, adote a proporção de duas colheres de arroz para uma de feijão. Também é importante evitar óleo e sal em excesso, e esqueça os temperos prontos, a linguiça e o bacon pelo alto teor de gordura, tudo isso que deixa o feijão pesado e prejudicam a saúde. 
E para tornar a combinação ainda mais saudável e atraente, sugerimos que incluir no preparo ervas e especiarias, como por exemplo: tomilho, sálvia, orégano, alecrim, cúrcuma, coentro, ou gengibre.

E procure deixar o feijão de molho por algumas horas. Além de apressar o cozimento, a medida afasta o fitato, substância que se liga a minerais como zinco, ferro e cálcio, impedindo a absorção de nutrientes e produzindo gases. 

Uma estratégia para diminuir as calorias do arroz branco é adicionar vegetais na preparação, pois retardam a absorção do carboidrato. A couve-flor por exemplo, consegue reduzir à metade o valor calórico de uma porção, e vale também juntar cenoura, que ainda agrega sabor ao prato.



Fonte:  http://www.nutrinet.com.br     &      http://boaforma.abril.com.br

2 de set de 2013

Torta de Macarrão Rigatone Super Fácil

Vamos combinar rechear regatones é muuuuiiiito trabalhoso. E foi por esta razão que eu Amei essa receita.

Ingredientes:
1 pacote de Rigatone cozido Al'dente
1 kg de carne moída 
1 colher de sopa de azeite extra virgem
1/2 cebola ralada
2 dentes de alho bem picadinho, ou amassados
1 lata de molho de tomates, ou 1 lata de tomates pelados 
Sal, pimenta calabresa e orégano a gosto
Queijo mozzarella ralada, misturado com queijo parmesão ralado a gosto

Modo de preparo:
- Prepare o molho: refogue a cebola e o alho no azeite, junte à carne, o molho de tomates, a pimenta calabresa, o orégano e o sal. Deixe o molho apurar um pouco e reserve.
- Unte bem com margarina uma forma de fundo removível, e coloque os Rigatones um a um em pé lado a lado (veja a foto n° 3).
- Espalhe o molho de carne em cima da massa, empurrando delicadamente o molho para que encha todos os orifícios.
- Coloca-se no forno pré-aquecido a 250°C durante 15 minutos.
- Polvilhe queijo ralado e asse por mais 10 a 15 minutos até que o queijo esteja derretido e gratinado.