Pesquisa do Blog

24 de set de 2016

Cookie com Pedacinhos de Chocolate

Perfeito para o café da manhã, ou lanche da tarde.

Ingredientes:
125 g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
3/4 xícara de açúcar
1/2 xícara de açúcar mascavo
1 ovo
1 e 3/4 xícara de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento em pó
300 g de chocolate meio amargo picado 
1 colher de chá de essência de baunilha

Se quiser fazer Cookie de Chocolate basta acrescentar a receita 1/4 xícara de chocolate em pó, Ok.

Modo de preparo:
- Misture a manteiga, açúcar mascavo, açúcar, essência de baunilha (e chocolate em pó, se for fazer cookies com base de chocolate)
- Adicione o ovo batido aos poucos e misture bem
- Acrescente a farinha aos poucos e misture bem (pode ser na mão ou na batedeira planetária)
- Por último, adicione o fermento e misture só para incorporá-lo à massa
- Depois da massa bem misturada, adicione o chocolate picado
- Forme bolinhas pequenas e asse em forno preaquecido a 250° C, sobre papel manteiga, por aproximadamente 15 a 20 minutos (deixe um espaço livre entre as bolinhas de massa para que elas possam se espalhar e crescer).


Um pouco da história dos Cookies:
Cookie vem do holandês “koekje”, que significa pequeno bolo. Conta a história que, no séc XVII, antes de colocar a receita toda de um bolo para assar, era feito um teste, separando uma pequena porção da massa e colocando no forno para testar a temperatura, minimizando assim os erros. Foram os britânicos que descobriram que a massa de teste tornava-se uma bolachinha e acharam que combinaria com seu tradicional chá, não desperdiçando as sobras. Mas a descoberta dos biscoitinhos com gotinhas de chocolate, que conhecemos aqui no Brasil como cookies, foi feita pelos americanos.

Os ingleses e alemães levaram a tradição destes biscoitos para os EUA, mas em um belo dia, por volta de 1930, Ruth Graves Wakefield, dona da pousada Toll House Inn, em Massachussets, estava fazendo seus tradicionais biscoitinhos, quando o chocolate que ela usava na receita acabou. Pensou ela, então, em usar uma barra de chocolate meio-amargo picado no lugar do chocolate em pó, achando que os pedaços iriam derreter e incorporar-se  à massa – o que não aconteceu. Os pedaços derreteram sim, mas mantiveram-se isolados da massa, fazendo nascerem os cookies com as deliciosas gotinhas de chocolate derretido.

Essa descoberta faz tanto sucesso nos Estados Unidos, que os americanos ainda são os maiores consumidores de cookies do mundo, chegando a cerca de dois bilhões por ano, o que representa quase 300 cookies para cada cidadão.


Um comentário: